quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

o frio invade a alma e gela o coração

Senti o frio invadir-me o corpo … e passar para a alma e gradualmente gelar …
este parco invólucro que é o meu corpo … e avançar … sem que o manto … que sobre mim trago o impedisse … e ocupar-me a alma …gelando-a de tal maneira que todo eu era gelo puro e duro e esperei … e ainda espero pelo verão ou por um simples raio de sol que me aqueça a alma e o coração, originando algo que me dê forças e que me faça ter uma nova vida … e viver ….. simplesmente viver …

Sem comentários: